domingo, 29 de setembro de 2013

Um dia para OUTUBRO

.

E quando tudo quer dizer nada, como fica o significado de tudo? Perdoe-me, esse não é um bom começo para uma prosa sobre tudo. Não existe lugar para o nada embora no nada resida a essência do tudo. Tudo. Tudo pode ser um para sempre, tudo pode ser uma transa, tudo pode ser casamento, tudo pode ser ficar junto, tudo pode ser oferecer a alma e tomar a alma do outro num gole só, um cálice de vida, um história bem contada, um conserto para um romance mal iniciado, tudo pode ser passear no parque num dia lindo de Domingo, depois um beijo, mãos se dando como se dá um laço de presente, tudo pode ser para sempre numa única sequência de segundos, tudo pode ser atrasar o relógio e fingir que o tempo não passa, que o tempo não passou, que o tempo nunca mais vai passar pra nós, e nós vamos pisar em cada um dos recantos dos nosso sonhos e o mundo só será pouso, paragem, leito pra gente se deitar, e olhar as estrelas, e ver desenhos que se formam feito códigos de nós, uma mão, um dragão alado, uma prece, qualquer coisa fica linda do seu lado, uma flor, uma pedra, uma montanha feita de pedras, com flores nascendo por entre os intervalos, e de repente é uma montanha de flores noturnas e pirilampos acendendo e apagando um pisca-pisca para fazer cena pra gente se amar. Tudo pode ser uma questão de amor, ou de quanto se pode amar alguém. Pode-se amar além de tudo, sobretudo, com tudo que nos cerca, o amor, caro ser amado, quer tudo, e nisso você tem razão, mas mesmo assim, desejo que me digas

_ OQUE SEGINIFICA TUDO PRA VOCÊ?


*

sábado, 28 de setembro de 2013

Mar de Sonho

.

Sonhar é mergulhar no impossível. Sem precisar tomar ar. É um piscar de olhos, e o sonho vem. Florais de sonhos bons. Descobri recentemente. Psicodélico liquidozinho. Eu, que só era dada a sonhos escabrosos, dei de ter sonhos que são mergulhos no azul do teu mar. Tomei gosto de deitar cedo. Vou indo, indo, passo à passo em direção ao quarto, depressa, mas muito devagar, para que se não houver mar no meu sonho, retarde-se, mas para que se houver, permita-me dormir até mais tarde...


*

quinta-feira, 26 de setembro de 2013

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Paraíso

.


O PARAÍSO:

substantivo de um lugar
pra se estar à sós, só nós
e nossos nozinhos de amor...


*

sábado, 14 de setembro de 2013

Cada um com seu jardim!

.


O que é um jardineiro?
_ é uma pessoa cujo o pensamento está cheio de jardins.

[Rubem Alves]

....................... eu acho que sou uma amareira,
porque meu pensamento está cheio de (a) mar.


*

Acomoda-te!

.

No pouso
vento acaricia tuas asas
sofá se faz folha
acomoda-te
e ama tua casa!
Calor se faz sol
banho se faz chuva
que flor perfuma
amor se faz beleza
a tua natureza.


[poesia de menino J.Jr]


*

La Vie en Douce


.

Amor parece brigadeiro. Todo mundo ama brigadeiro, quer comer logo de colher, na panela, às colheradas fartas que fazem sentir um prazer digno de deuses. Amor é que coisa dos deuses. Melhor que isso, só amor com brigadeiro e Olimpo está alcançado.

Aos doces sejam dados os méritos. Todos remetem aos afetos. Talvez por isso sejam tão difícil resisti-los. Beijinho de coco, uma explosão de delícia doce na boca, feito um beijo, beijo que não é doce, é ácido, é beijo com falta do açúcar que só o amor contém. Camafeus, doce de leite, esses bolinhos da moda, cupcakes, todo mundo só fala em cupcakes, que até são bem gostosos, mas não como bolinhos de chuva feitos em casa numa tarde de sábado que chove chuva. É amor puro.

Disponibilizar-se à produzir docinhos pra quem se ama é puro amor. É sedução pura. É a festa de Babette adentrando os sentidos de quem se ama. Chás perfumados com bolo de fubá. Goiabada com queijo. Ciúmes abrandados por biscoitinhos amanteigados... e os sonhos, imbatíveis, redondinhos transbordando recheios amorosos. Chega a ser erótico de tão bom. Amor pra mim tem que ser doce! *