sábado, 12 de novembro de 2011

Insensibilidade me deixa louca

Sabe o que é?
_ não tem essa coisa de maluco se curar em terapia.

Cada um segue portando suas insanidades,
com maior ou menor grau de 'disfarceabilidade'.

Deve ter alguma coisa a ver com os signos e seus elementos.
Há os de fogo. Tão maravilhosamente intensos.
Há os da àgua. Tão profundamente calmos e amáveis...
Há os do ar. Tão sublimes em seus vôos.

E há os da terra, no qual me enquadro.
São os que mais sofrem. Seguem ali com seus pobres pés gravados
na terra, ardendo em fogo, desejosos de todo mergulho afetivo,
e os olhos quando olham para o céu e percebem a distância...,
quanta distância com suas naturezas ávidas de lógica.
Sua inquietude é um pouco mais doída, porque existe um cordão
indissolúvel de incompreensões das dádivas dos outros elementos
um misto de "também quero viajar nesse balão" com "o dia me que a terra parou"
e aquele infanto-juvenil desejo de à tudo mudar, e não tendo como, se inquietar.

por que sabe?
tem muita coisa estranha rolando no mundo,
e isso nos atinge à todos,
seja de fogo, de terra, de água ou de ar,

louco pra mim é ser insensível


e sair por aí à cutucar feridas.


*

3 comentários:

Pipa. A Pipa dos Ventos. disse...

A insensibilidade é uma doença. Ao deparar-se com ela, recuemos e rápido. Ou poderemos correr o risco de sofrer algum contágio.

thiê disse...

que nossa fortaleza de touro nos proteja de todo o mal...

quanto pesa o vento? disse...

wow
muito bem escrito o teu texto.
gostei e concordo com a mensagem.
abraço.