domingo, 13 de novembro de 2011

Concreto

.


Para tapear a consistência da dor
a efemeridade dos sonhos.
É difícil sonhar em meio à dor,
d e v a n e a r ,

mas é preciso.




*

Um comentário:

Mara Melinni disse...

Sonhar é sempre preciso... pq no sonho, a vida não tem dor.

Bjo e uma ótima semana!

=)