sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Antes dentro do que fora...

.





Há a ilusão. A ilusão de que para ser livre temos que estar do lado de fora. A ilusão de que a felicidade é algo á se alcançar, estando, muitas vezes, com ela na palma das mãos. A ilusão de que as cores são mais fortes, os perfumes mais intensos, o mistério mais ao alcance. Há a ilusão de que fora não existem milenares pudores. Há a ilusão de que o permitido ganha dimensões fantásticas da porta pra fora da gente mesmo. E deve ter muita verdade nisso. E por isso, a gente se atira para fora. Fora de casa, fora das regras, fora do contexto ensaiado, fora da alma, fora do quarto como se fosse fora a casa do sonho mais caro. E deve até ser. A gula pela vida, pelo novo, pelo excitante, por mais vida, por ritmo, a busca de algo tão grande que quase parece a procura da gente mesmo. E deve até ser um caminho. Sair pra fora. Mas... depois que a gente sai bastante descobre, ou melhor, meio que pressente o inevitável. Não é fora. Fora vira dentro quando a gente sai pra fora, e qualquer lugar para onde se vá, haverá mais foras pra buscar. Então vem o olhar para dentro. A gente olha e vê que é grande por dentro. Também é um mundo. Tem muita cor, e perfume e tem uma coisa que só dentro a gente consegue que é um respirar mais profundo que te liga ao mais misterioso dos mundos e finalmente, se relaxa. Quando eu volto pra casa eu me sinto no céu. Descobri, ou sondo isso, posso ter todo o mundo dentro de mim, dentro da minha casa. Ansiar não é mais o verbo dominante, cedeu seu trono para " oque dér e viér eu traço", da vida, das pessoas, das sensações, de mim mesma, do cosmos, de Deus. E por fim, depois de tanto procurar, arrisco dizer que o maior experimento que fiz até hoje quanto a sentir-me livre, ocorre dia por dia, na livre aceitação de que todo lugar é dentro e é fora, saber desbravar é um bom caminho. Desbravo-me, e com isso, descubro-me livre.



*

3 comentários:

Karine disse...

Ah, que linda e que lindo.

Presentão de aniversário te ler!

Be Lins disse...

Feliz Aniversário, Karine!

que seus caminhos te levem pra dentro de muitas felicidades.

Grande beijo!

Adriana ♣* disse...

Lindo, lindo!

Beijos,

Dri