domingo, 17 de julho de 2011

Entende?



.

Eu, que jamais me habituarei a mim (...), que de mim só consegui foi me submeter
a mim mesma, pois sou tão mais inexorável do que eu, eu estava querendo me
compensar de mim mesma com a visão de uma terra menos confusa que eu...

[Clarice Lispector]

*

2 comentários:

Adriana ♣* disse...

Como pode transmitir tão bem o que se passa por dentro?

Incrível!

É dom.

Não é para qualquer um enxergar dentro...

Ela tinha essa permissão.

thiê disse...

é que nagente dá pra se perder fácil, mais que se encontrar, se perder do encontro, ou econtrar a perdição...