sexta-feira, 15 de abril de 2011

De Repente

.


De repente
Eu fico
Rindo à toa
Sem saber porquê

E vem a vontade
De sonhar
De novo te encontrar...


*

Um comentário:

Priscila Rôde disse...

De repente é tempo bom e fresco feito de detalhes mágicos que Deus bordou com o formato especial da nossa esperança.

Tudo parece caber tão bem dentro da gente.

Gosto muito!