segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Belo

Há uma beleza especial no vazio. Um beleza fora de padrão. Nada a ver com cores, nem flores nem coisas mimosas. Uma beleza sem forma, sem cheiro, sem o óbvio apêlo do belo. Quem já experimentou o vazio, bem no fundo do mais fundo, descobre que de fato, o vazio não existe verdadeiramente. Ele é uma nova porta. Ele é o 'a partir de'... Navegando por seus gélidos domínios, estranhamente percebe-se que os sentidos de nada servem, não há frio, nem calor, é metafísica. É viagem. É toda e nenhuma ideia ocupando o mesmo lugar no espaço. No vazio há dor. Dor de dentro. Dor que não dói. Há contradição. Há presença. Há a ausência do imediato. Oque existe é a possibilidade de qualquer coisa. O vazio é uma cama de repouso em algum sanatório muito limpo onde a alma descansa. É espaço de cura, de cuidados invisíveis, é o 'se encontrar'. O vazio lembra o silêncio da neve branquinha e hipnotizadora. O vazio faz levitar, passear por lembranças remotas sem tocá-las. O vazio é amigo do verbo olhar. Como ele é amigo das estrelas, ele pode ser um balanço que permite abraçar o céu. O vazio permite. Quase tudo. O vazio sussurra, fazendo do silêncio a palavra mais eloquente do mundo. O vazio é a voz divina que nos lembra que 'somos o Tempo que nos resta'. O vazio é aconchego. O vazio é um pedaço de céu 'que não fecha nunca!'.


*

5 comentários:

thie disse...

"O único mistério é haver quem pense no mistério.
Quem está ao sol e fecha os olhos,
Começa a não saber o que é o sol
E a pensar muitas cousas cheias de calor."

Fernando Pessoa (A.C.)

sei lá, me lembro de pessoa quando penso em vazio. acho que ele preenche tudo direitinho.

aquele beijo, bê.

Patrícia disse...

No vazio a gente pode flutuar, imaginar!
Inspirador esse texto.
Beijo

Menina no Sotão disse...

O vazio é o espaço que temos pra preencher de nós mesmos. É uma marcha silenciosa pelas arestas do mundo. bacio

Eliete disse...

o vazio mais insuportável é a ausência na presença.bjs

JasonJr. disse...

a beleza da simplicidade onde o menos quer dizer mais...