sábado, 11 de setembro de 2010

Você sabe?...





'Eu não sei!
Por que não posso experimentar várias vidas diferentes,
como vestidos, para ver qual cai melhor e é mais confortável?...'

É, pois é Dona Sylvia Plath. Boa pergunta! Será que a gente gosta tanto de trocar vestidinhos e combiná-los com sandálias bonitas e tudo mais que a gente ama para sublimar às tentações de experimentar a vida mais intensamente, muitos amores, aventuras e vôos, mergulhos intensos além-Mar, será que mergulhamos no nosso mundinho de coisas para não lembrar do sacro santo direito que todos teríamos à liberdade sem punições e julgamentos?

Sei lá, meio anarquista pensar assim, mas, soube que os relacionamentos mais duradouros dão-se, justamente, nos sistemas onde o sentimento é a tônica a substância o motivo a base de toda e qualquer ligação. A história fala disso, antes da Igreja colocar suas intenções mercenárias nas vida das pessoas.

_ é, Sylvia, eu também não sei!


Nenhum comentário: