terça-feira, 10 de agosto de 2010

Sou louca por você!

Então, tem ocasiões que dá uma enorme de uma vontade de sair gritando pelos quatro cantos do mundo tudo que o coração sente. Não dá?... a gente nem sempre faz isso. Quase nunca, na verdade. Dizemos o trivial, as coisas do hábito, do cotidiano, mas aquela coisa que surpreende, que abala as estruturas da emoção, ah! essas a gente guarda. Já pensou se você chegasse até sua mãe, por exemplo, e dissesse à ela que a admira, que ela faz uma comidinha gostosa que só ela, ou que você ainda lembra das canções de ninar que ela cantava pra te fazer dormir... algo simples, mas puro de sentimento. Ou dizer pra um amigo como ele é maravilhoso, como preenche de alegrias os dias de convivência, e como é bom poder ter um amigo assim pra dividir tudo. Dizer para o colega de trabalho que ele é um companheiro legal, que você o acha bonito. Ou elegante. Ou muito competente. A amiga e aquele cabelo lindo que você nunca comenta. A elegância dela. O quanto ela é uma fofa... E pro amor da sua vida. Ou para os amores da sua vida. Ulalá!...Falar da voz. Que te derrete inteira. Das mãos, que falam junto naquele jeito espontâneo que só ele tem. Do jeito que ele olha. Pro mundo. Pra você. Pra ele. Como ele é lindo quando dorme, e se vira com aquele braço enorme que te envolve em sorrisos. Ah! o sorriso. E aquela cara séria que ele faz às vezes, que bambeia as pernas só de ver. Dizer coisas que elogiam mais que os beijos dele, algo que o faça sentir único. Ser único na vida de uma pessoa. Sensação boa, não?...E não se trata só de amor romântico. Tem vizinho, o porteiro, o Pai, o irmão, o amante, a amiga, o filho, a avó. Tem tanta gente na vida da gente que a gente não se dá conta... Dizer eu te amo, é uma coisa linda, mas, parece-me que ultimamente, meio que virou lugar comum. É todo mundo dizendo isso pra todo mundo. 'Tchau, eu te amo', parece uma coisa só, meio sem emoção, ou mecânico, ainda que seja verdade. Escolher algo especial para dizer à quem se ama, algo que seja muito de verdade, é um ato de entrega. E o sorriso que vem de volta, é tudo que a gente precisa pro dia sorrir feliz. Não fiz isso no dia de hoje. Do que me lembro, com quase ninguém. Mas, amanhã, vou tentar dizer algo especial, diferente e verdadeiro para alguém. Ou para alguéns da minha vida. Sinceramente, tem muita gente que merece. Você tem? Então, não quer tentar também? Eu desejo que o dia de amanhã seja especial, cheio de sorrisos. Pra mim, e pra todo mundo. Oxalá!



*



5 comentários:

vanessa leonardi disse...

ja vou logo dizendo aqui, pra vc

vc mora no meu coração

te beijo


*)


.

Leo disse...

Ah, esse eu li com o coração na mão, muito me emocionou a parte da mãe, porque...bom. mãe, né.

Beijo-te. moras no coração.

Pipa. Agora eu era o herói. disse...

Então me diga, como é pegar um papel em branco e deixar a caneta te levar?



É a estrela que carrega nas mãos.

Ela brilha tanto Bê

O mundo flui a partir da tua luz.

Te abraço com carinho.

Juliana* disse...

Sou super a favor das palavras de carinho,e falar que amo então, nem se fale!
Acho que todas as oportunidades de algum tipo de carinho não devem ser perdidas nunca.

beijos

Juliana

Denise Portes disse...

Essa é uma atitude que tenho na vida, nunca a descrevi em palavras, carrego comigo no coração. Declaro meu amor e minha admiração por todos que me cercam. Já o fiz com você, lembra? Eu te falei o quanto gosto e fico tocada pelo que você escreve.
Beijo
Denise