quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Lado A Lado B

Tem vezes que a gente está vivendo uma cena, e quando está dentro desta cena, até que tudo parece muito bom. Depois, a gente olha de longe essa mesma cena, e pensa que tudo, na verdade, parece muito ruim. Será que ver uma mesma cena sob óticas tão antagônicas é algum tipo de distúrbio? Deve ser, certamente que deve ser! No mínimo deve ser falta de discernimento. Ou carência afetiva. Ou transtorno bipolar. Ou tpm severa. Mas não é nada disso, não. É falta de atenção. A gente sempre sabe quando está beirando o abismo, mas gosta daquele friozinho na barriga que o brincar com o perigo oferece. Vou pegar meu lado bom e meu lado ruim e decretar uma ordem à ambos os lados: Basta!.. já se faz mais que hora de sossegar o facho. E tenho dito!


*

4 comentários:

Amanda Cecilia disse...

A energia no mundo anda conturbada. Não sei se sofro do mesmo mal, mas ando irritadissima.

Lianto disse...

Ahh, querida quanto mais resistencia, mais conflito; e é bom lembrar conflito é para ter paz.

O isolamento também não é liberdade, hein .. pense bem .

Priscila Lima disse...

os lados são diferentes po´rem são da mesma...
beijinho das conchinhas

Eliete disse...

Às vezes a dúvida cansa mas sem ela a vida seria muito monótona. Seu cantinho continua muito gostoso.bjs