quarta-feira, 21 de julho de 2010

De Coração

Vontade de pensar em coisa bonita. Em sonho. Em belezuras. Pensar e falar sobre aquelas coisas, algumas bobas, algumas grandes, algumas sei lá, que nos fazem sorrir de uma forma estranhamente feliz. Porquê sorrir a gente sorri sempre. Quando chega no trabalho, quando dá bom dia ao vizinho, ou quando vê aquele bonitão enorme na academia. Mas sorrir mesmo, aquele sorriso que vem de dentro, d'alma, acontece frente a lembrança das coisas que nos são caras. Então, páro e penso no que me é mais caro na vida, e vejo que sou uma pessoa muito abençoada por Allah. Eu amo tantas coisas. Tantas coisas me dão prazer. Dou-me conta que sorrio muitíssimo mais do que choro. Ou lamento. Amo as coisas miúdas. Amo meus sonhos mais loucos, suspiro quando sorrio ao pensar nos sonhos realizáveis, e sorrio ainda mais ao pensar nos sonhos um cadinho mais complicados. Descobri que rezar é bom. Não. Não é bem rezar que eu falo, mas tentar conectar-se com a melhor das energias e depositar nesse altar abstrato e divino, meus gostares. Acho que os pequenos milagres acontecem a partir da entrega. Estava indo ao banco hoje, e de repente: sinal de mensagem. Pronto! sorriso imenso, suspiro, mesmo sem abrir e ver do que se tratava. A simples possibilidade de ser uma mensagem de alguém especial fez-me feliz. E sabe oque mais? Era. Dele. Dele suspirando s a u d a d e s . Coisa pequenina que me fez sorrir e até fazer gracinha para duas crianças que estavam na fila do caixa rápido. Minha amiga Li me trouxe chocolates pelo dia do amigo, e de surpresa. Meu irmão coisa mais linda veio visitar-me no meio da tarde com uma torta de banana da nossa padaria preferida. Ganhei do meu mais essencial dos seres uma bolsinha antiga com um bilhetinho dentro dizendo, te amo. Minha mãe mandou-me flores. Cor-de-rosinhas. Disse que combinam comigo no cartão. Uma cliente na loja soube que aprecio um determinado tipo de leitura e foi ao carro apanhar um livro que tinha acabado de comprar para que eu lesse. Eu disse, _ mas você nem leu ainda. E ela disse: não faz mal, seu interesse pelo assunto é maior que o meu. Quero que fiquei com o livro. Caramba! que dia! as pessoas resolveram fazer meu dia lindo. Milagres de amor. De amizade. De esperança. E eu nem fiz nada pra merecer isso. Eu rezei, eu acho. Conectei-me com um astral de graça, mas fora isso, não fiz nada. Só fiquei recebendo todas essas considerações e retribuindo simploriamente com sorrisos, abraços e agradecimentos. Viver pode ser bom quando conseguimos essa conexão. Não sei dizer de onde vem isso, mas asseguro que a busca por um caminho para sermos mais positivos, acolhedores dos outros, abraçadores de coisas pequenas, escrevedores de palavras miúdas, apanhadores de flores silvestres, comedores de sonhos fresquinhos, enxergadores dos aromas amigos, engolidores de ideias e sonhos, e desafiadores das sombras, então, creio que, alguma coisa especial pode acontecer. Ou várias. Milagres da vida cotidiana. É como diz minha amiga que guarda tesouros, o segredo reside no ACREDITAR.

E porquê eu falo do que mais gosto,
digo que gosto sobremaneira de cada querido
que passa por aqui e me alegra com a sua presença.

O beijo de hoje,
é de vocês.


*

10 comentários:

Juliana* disse...

E como não é de se surpreender, este post também fez meu dia um pouco mais feliz!

beijos

Juliana

Adriana ♣* disse...

É verdade...
Acreditar faz TODA a diferença!
Bjs e obrigada!
Adri

jess torres disse...

meu dia mais feliz agora. :D

jess torres disse...

meu dia mais feliz agora! :D

Sil.. disse...

Conheci seu blog, super por acaso (E agradeço esse acaso).
Simplesmente lindo, lindoooooooo seu blog.
Encantada!

Te acompanho, se me permite.

Um abração meu!

Lianto disse...

:>)

gracinha, é uma honra !

vanessa leonardi disse...

.

Quando oramos, nunca falamos sozinhos. Lembra?

Que o sopro divino realmente possa te refrescar


te beijo e peço sempre por vc
de novo e de novo

=)

.

F. Otavio M. Silva disse...

Oi, muito bom texto. Belo Blog

dá uma passada no meu blog
http://otaviomsilva.blogspot.com/

Forte abraço

Serena-Cris disse...

Be*lezura,

é lindo aquele recadinho do Pe. Fabio, né não? Senti necessidade de compartilhar com vocês. E se você tiver oportunidade, leia o livro 'Quem me roubou de mim?' - dele tbm. É uma belezura só! Deixa a gente pisar macio no tecido da vida ...

te beijo!


*

Lia Araújo disse...

Believe!

adorei o blog
seguindo