quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Sementinhas de Sedução




(...)
Ele: Pretendo começar outras coisas aqui.
Ela: Desse jeito, você acaba se casando e mudando para cá.
Ele: Você está disposta a casar comigo?
Ela: Eu não me refiria a mim...
Ele: Responda o que eu perguntei...
_
[ele sempre reclama que ela faz novas perguntas às perguntas dele, e não responde.]
_
Ela: Sabe o que eu acho?
Ele: Responde...
Ela: Eu acho que no fundo, você ainda me ama ( entre risos)
Ele: E você acha que se eu não te amasse, estaria perguntando? (entre risos)
_
[Falaram sobre roupas brancas, cerimônia na praia e tochas, mas ela não respondeu.]
_
Ele despediu-se dizendo:
ADORO-TE.
_
Sementinhas perigosas, essas!



3 comentários:

Lucas disse...

Tá com medo?

Daniela Falcone disse...

engraçado como sempre que eu decido ler o blog me acontece ou eu penso em algo parecido com o post. escrita de uma forma tão lúdica e feliz. seus posts sempre me roubam suspiros.

renata carneiro disse...

essas sementes ficam sempre plantadas. na maioria das vezes, elas demoram para germinar. mas quando começam, não param nunca mais.

p.s: quero ser convidada, ein!

beijocas!