quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

OLHOS

*

Estava lembrando uma coisa, uma coisa puxa outra, e lembrei de uma entrevista que li certa vez, de uma grande dama carioca dos anos cinquenta. No papo vai, papo vem, o repórter perguntou à ela, despropositadamente, se ela se ressentia de não ter olhos claros, como todas as pessoas da sua família. Uma pessoa segura e certeira, ela respondeu:

_ Meu caro, não é a cor dos olhos que conta,
É A MANEIRA COMO OS OLHOS SE COMPORTAM.

[nunca esqueci isso]


*

Nenhum comentário: