quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Das Janelas

Acorda, respira, sorri, abre bem abertas as suas janelas, e nelas deposita o seu melhor, o seu simples, o seu simplório, o seu sorriso, a sua esperança, as suas graças, o seu desajeito, a sua ingenuidade, a sua imaturidade, a sua alegria, a sua criança, que chama sem pudores á todos que vê passar:

_ Ei, VOCÊ!, chega aí, vem passar umas horinhas,
[ minutinhos que sejam ]
bem leves comigo, VEM!


*

3 comentários:

Dani disse...

combinado, trago um tiquinho de mim procê.

gostei da nova deCoração!!! :)

beijocas

Hosana Lemos disse...

que blog lindo *-*
a imagem, os texto...tudo!
adorei

renata disse...

um pouquinho meu, te dou tododia!

beijocas...