sábado, 14 de novembro de 2009

COLA

.

Quando a canção toca
no sábado,
de manhã,
de sol, de azul
de luz,
e diz:

Será, que a gente, ainda será,
A velha história de amor,
Que sempre acaba bem, meu bem?!

Meio demodé pra hoje em dia,
Antigamente, tudo era bem mais chic!
Porque, a gente nem sabe porquê.
Mas acontece que eu nasci
Pra ser só de você,
É claro que a sorte também ajudou,
Ultimamente um romance dura pouco.

Cola,
seu rosto no meu rosto e
enrola, seu corpo no meu corpo, agora,
Está na hora de DANÇAR.


[Deve ser um bom sinal]


Pra curtir:

http://www.youtube.com/watch?v=_R0D604LXMM&feature=related