sábado, 29 de agosto de 2009

É só fantasia, sem preconceito, please!

Uma vez li num livro da Maitê Proença que, em meio a tantas viagens que ela já fez pelo mundo todo, o lugar onde ela mais viu moços bonitos foi no Afeganistão.

Aí, parei pra pensar no esteriótipo:
sempre de barba escura, olhos escuros, impenetráveis e misteriosos, altos, magros na medida, uma certa masculinidade acentuada, um jeito homem de ser.
Bem, aí também rolou de conhecer alguém meio assim, com esses ares de moço bonito do Afeganistão e tal e tal, e virou expressão para mim. E para Maitê que os viu de perto. Enfim, o moço agora está na janela, ao lado da moça, supirando de amor e bem perto.

Adorei a fantasia que agora vive aqui.
Senhoras e senhores:
_ a moça e o moço bonito do Afeganistão.

*

2 comentários:

renata disse...

fantasias são sempre um tipo de paraísos secretos...


beijos!

Bia disse...

Isso mesmo, Renatinha,
paraíso secreto.

Beijos.

*