terça-feira, 19 de maio de 2009

Mando-te um sonho bom


Meu Querido,

Escrevo-te para contar que sonhei contigo na noite que passou. Foi uma noite fria, dessas noites frias que gostas tanto. Deixei aquela luzinha acesa, o pequeno ponto de luz em forma de estrela que me destes. Ela brilhava estranhamente mais nessa noite. Dormi embalada pela luz e pelas saudades. Quando dei por mim, estava ao teu lado, dentro de um sonho bom. Estávamos os dois a flutuar dentro de um balão branco, e ríamos e flutuávamos, como duas crianças que somos.
Somos, não somos, meu bem?
Quero mandar-te essa cartinha ainda hoje, para que logo chegue. Sentirei quando ela chegar às tuas mãos, pois ela segue repleta de meu afeto, que ao tocar as tuas mãos e o teu afeto, com o encontro de nossos afetos, emitirá faíscas. Nessa hora estarei a olhar para o céu e, certamente, nossa estrela brilhará. Como sempre, só que com um brilho a mais. Ela me avisará.

Meus beijos são seus,
Lola

*

Nenhum comentário: