sexta-feira, 22 de maio de 2009

*

Há no Amor um momento de grandeza
Que é de inconsciência e de êxtase bendito:
Os dois corpos são toda a Natureza
As duas Almas são todo o Infinito.

É um mistéro de força e de surpresa!
Estala o coração da terra, aflito;
Rasga-se em luz fecunda a esfera acesa,
E de todos os astros rompe um grito.

Deus transmite o seu hálito aos amantes:
Cada beijo é a sanção dos Sete Dias,
E a gênese fulgura em cada abraço;

Porque, entre as duas bocas soluçantes,
Rola todo o Universo, em harmonias,
E em glorificações, enchendo o Espaço!

_ Olavo Bilac


(tem razão, nós vemos tudo de forma muito diferente)

.
.
.

3 comentários:

Cris disse...

tem um selo pra vc na minha casinha, vai lá...

um beijo.

.

Tainá Facó disse...

Olavo Bilac! O grande! Cada letra, cada frase, cada linda é a perfeição! Amei o seu cantinho, florzinha! Beijo enorme!

Bia disse...

OLá, meninas.
Muito grata por suas presenças
graciosas por aqui.

Beijos.