quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Das cretinices.

Não sei por que você faz isso.
Você não tem nada mais pra fazer,
além de ficar me observando de longe,
e quando percebe que estou me curando,
lá vem você:

Você e suas singularidades,
você e suas surrealidades,
você e suas amabilidades,
você e suas facilidades.

Você e sua capacidade absurda
de me encantar,
de me aborrecer,
de me dominar,
assim, sorrateiramente.

Moço, tu não tem mais nada pra fazer, é?...

4 comentários:

Ferdinand disse...

uma estrela no coração..
também venho sempre querida....
Das cretinices...
ótimo...

Bia disse...

Bom saber.
Venha mesmo.

Dani Cabrera disse...

Bê,
Adorei! :D
Tem uma música do Jay Vaquer que chama-se ¨Você Não Me Conhece¨, e que fala algo mais ou menos parecido. Como...

¨Você me quer bem - quando eu tô legal te incomoda, porque me faz bem pra jogar na cara o que acabou de fazer. Me deprime, me derruba e depois reza por mim. E o meu crime é apagar as velas antes do fim¨.

Não sei se vc o conhece, vou mandar um vídeo dele no teu orkut e depois vc me diz se gostou.
(Eu adooooooro!)


E vim aqui agradecer pelo presentinho também Bê!
Fiquei bem feliz, sabe que sou fã do teu e receber assim de vc é bem legal!

Estou postando!

Beijos pra vc!

Janaína S. disse...

Parece que tem gente que não tem mesmo mais o que fazer né?! rsrs

gostei do texto!
Parabéns pelo blog ;)